Pudim de Café

18 de mai de 2009

Vou contar para vocês: marido e eu não bebemos café.
Gosto do cheiro dos grãos sendo torrados, mas não tenho hábito de beber café.

Meu pai sempre foi extremista e não deixava a minha mãe beber café.
Me lembro de quando criança eu vê-la fazendo seu cafezinho instantâneo escondido dele.

E marido nem sei porquê não toma, já que a mãe dele não fica sem café e o pai era fumante e viciado no líquido preto também.

Enfim, nada de extremos aqui em casa. Não bebemos, mas temos café instantâneo (Nescafé) para as visitas.
Eu gosto de cappuccino e marido prefere suco.

Ainda falando sobre Confeitos, me lembro de ter comido um Pudim de Café delicioso, preparado pela minha amiga Val e resolvi fazer para a sobremesa de Dia das Mães.

Não tendo a receita original da amiga Val, fiz meu Pudim de Café dessa maneira:

No liquidificador coloquei:
1 lata de leite condensado
3 ovos
1/2 medida da lata de café bem forte (usei 3 colheres de sopa de Nescafé)


Peguei a forma de pudim e coloquei 1 xícara (chá) de açúcar refinado e levei ao fogo para fazer a calda de caramelo.

Bati os ingredientes no liquidificador e coloquei em seguida na forma já caramelizada.
Levei ao fogo (fogão) na panela de banho-Maria por cerca de 35 minutos.

Fui assistir aos episódios de LOST que não tinha assistido ainda, hehehe, e depois de 4 episódios e uma leve dormida no sofá sonhando com a série, me levantei e fui até a cozinha. Tirei a forma de pudim de dentro da panela de banho-Maria e levei à geladeira, de um dia para o outro.

No dia seguinte desenformei o pudim e confeitei com os grãos de café (chocolate amargo).


Rendimento: 6 à 8 porções.

Ficou uma delícia!!
Quem é fã de café, sijogue!! :)